NOTÍCIASPEDREGULHORIFAINA

PEDREGULHO E JERIQUARA SOFREM COM “CALADÃO” DA VIVO

Problema iniciado na manhã de quarta-feira persistiu até a madrugada desta quinta (3)

As constantes interrupções dos serviços de telefonia fixa móvel, em cidades da região como Patrocínio Paulista, Itirapuã, Pedregulho, Jeriquara e Rifaina não são novidade.

Depois de uma pane total na quarta-feira da semana passada, em Patrocínio Paulista, que ocasionou a paralisação de serviços públicos, o problema se repetiu, na sexta-feira à tarde em Rifaina, e nesta quarta-feira (02) em Pedregulho e Jeriquara.

Em Pedregulho, e por extensão Jeriquara, que depende dos serviços da vizinha cidade, tudo ficou parado durante todo dia e parte da noite inclusive Prefeitura, Armazéns da AGAM e Cocapec, Jussara, Fórum, Unidades de Saúde, Santa Casa, Câmara, Ministério Público, Sabesp, CPFL e bancos como Santander, Banco do Brasil, Bradesco, Credicoonai, mais prejudicados

Desta vez o problema foi mais prolongado, causando prejuízos e, claro, muita irritação dos usuários, pois as duas cidades ficaram literalmente “desplugadas” do resto do Mundo, entre 9h da manhã de ontem e começo da madrugada de hoje.

Além dos inúmeros e incalculáveis prejuízos para comerciantes além de transtornos para usuários de serviços bancários, ocorre a descontinuidade de serviços fora dos municípios atingidos, o que também é imensurável.

Nas cidades atingidas desde a semana passada, a grande queixa tem sido com relação ao imprevisto das interrupções.

Em Rifaina, por exemplo, em plena sexta-feira, dia de grande movimento em hotéis, pousadas, bancos, casa lotérica e Prefeitura, os serviços pararam totalmente do meio-dia às 17h.

Pela legislação da Anatel e do próprio Código de Defesa do Consumidor, as empresas são obrigadas a comunicar antecipadamente a interrupção de serviços por conta de obras.

E, à primeira vista, tanto as ocorrências da semana passada em Patrocínio Paulista e Rifaina, quanto as de hoje em Pedregulho e Jeriquara, não parecem ter sido fenômenos naturais, e sim por interrupção promovida pelas empresas de telefonia.

No caso de Pedregulho e Jeriquara, no episódio desta quarta-feira, os serviços atingidos foram basicamente os da empresa Vivo, substituta da Telefônica.

Há comentários de que a operadora Vivo (telefonia fixa e grande parte da móvel) estaria realizando obras em sua rede de fibra ótica, interrompendo as linhas, provocando um efeito cascata a cada etapa dos serviços.

Porém, a grande queixa dos usuários é a de que nenhum comunicado a respeito foi feito pela empresa, alertando sobre eventuais interrupções.

Related Articles

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close