Câmara de Franca não busca seu próprio fortalecimento – Opinião

Enquanto a gente esperava uma outra posição da Câmara de Vereadores, o Poder Legislativo de Franca manteve os Vetos Parciais nºs 2 e 3/2021, de autoria do Prefeito Alexandre Ferreira (MDB), respectivamente aos PLs 105/2021 e 104/2021, relacionados às Diretrizes Orçamentárias para o exercício de 2022.
Ambos os vetos foram mantidos por 9 votos a 5 e são atinentes às emendas propositivas apresentadas pelos vereadores ao orçamento municipal.
As duas propostas haviam recebido parecer contrário na última reunião entre a Comissão de Legislação, Justiça e Redação e Comissão de Finanças e Orçamento da Câmara Municipal.
Assim, o Prefeito dá uma “banana” para a Câmara, desrespeitando o direito dos vereadores em apresentar emendas ao orçamento.
O Prefeito devia valorizar o Legislativo, de quem está sempre dependendo para administrar.
Os vereadores precisam ter uma atuação dos vereadores no planejamento orçamentário da cidade.
O Prefeito deveria ter definido junto aos vereadores, na ocasião da apreciação do orçamento, a situação das emendas propositivas.
Assim, não só o Prefeito, mas os próprios vereadores precisam valorizar o Parlamento francano que precisam representar a população no orçamento do município, através das emendas parlamentares.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *