Em ato pela reabertura, donos de bares e restaurantes distribuem marmitas em Franca

Donos de bares e restaurantes fizeram um protesto na tarde desta quinta-feira (11) pela reabertura em Franca (SP).

O atendimento presencial nos estabelecimentos foi suspenso há três semanas depois que o governo do estado rebaixou os municípios da Diretoria Regional de Saúde (DRS) 8, da qual a cidade é sede, para a fase vermelha do Plano São Paulo.

Os comerciantes montaram duas tendas na praça da estação e distribuíram 200 marmitas para famílias carentes da cidade.

“A gente não está podendo trabalhar, então a comida que a gente ia jogar fora, como a gente não vai deixar isso acontecer, estamos distribuindo para a população carente”, diz o empresário Ricardo Petri.

Donos de bares e restaurantes distribuíram marmitas em Franca, SP — Foto: Reprodução

Donos de bares e restaurantes distribuíram marmitas em Franca, SP — Foto: Reprodução

Representantes do setor pedem a reabertura das portas com capacidade de público reduzida e respeito às regras sanitárias.

“Nós cumprimos o protocolo, nós respeitamos a pandemia, nós temos cuidado com as pessoas. A gente só queria trabalhar”, diz.

Vai e volta

 

Na sexta-feira (5), o prefeito de Franca, Alexandre Ferreira (MDB), chegou a liberar o funcionamento, mas voltou atrás após reunião com o Ministério Público, que recomendou que as atividades econômicas fossem mantidas sob os critérios da fase vermelha.

Procurada nesta quinta-feira, a Prefeitura de Franca informou que tem conversado com o Ministério Público para liberar alguns serviços que estão proibidos na etapa mais restrita do Plano São Paulo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *