Estudante de Claraval recebe reconhecimento da Nasa depois de descobrir dois asteróides

Estudante de Claraval recebe reconhecimento da Nasa depois de descobrir dois asteróides

Uma estudante de 18 anos recebeu reconhecimento da Nasa depois da equipe que ela participa descobrir dois asteroides ainda desconhecidos. Joice Vitória Leão Morais é de Claraval (MG) e participa de um grupo de ciências, com mais nome meninas, que foi nomeado de Marie Curie, em homenagem a cientista que descobriu o Raio X.

“Cada uma se dedicou, pegou seu tempo, treinou. E a gente sentiu de um trabalho recompensado, de poder fazer parte e contribuir ainda com a ciência. Então mesmo que nada seja tão fácil quanto pra outras pessoas, a gente consegue também”, disse a estudante.

Joice está matriculada no terceiro ano do ensino médio. Apaixonada por física e astronomia desde muito cedo, ela conquistou a medalha de prata na 23ª Olimpíada Brasileira de Astronomia em 2021. Além disso, ela coleciona vários certificados;

“Eu desde criança eu sempre gostei de ciência, de estar em contato com a natureza, de observar o céu. Só que somente no ano passado eu comecei a estudar física e percebi que isso é realmente o que eu quero seguir na minha carreira”, contou a estudante.

 

Estudante conquista certificado da Nasa. — Foto: Cacá Trovó / EPTV

E durante um trabalho realizado pela estudante e sua equipe, olhando para o computador, elas perceberam uma coisa diferente no espaço, dois asteroides ainda não identificados por nenhum outro cientista. E por causa dessa descoberta, ela e as amigas poderão dar nome a esses asteroides.

“Nosso clube é focado em incentivar a participação de jovem na STEM, que é ciência, tecnologia, engenharia e matemática. Nós fazemos isso por meio de diversos eventos: webinars, com grandes nomes da ciência feminina brasileira; concursos de redação, que levam o vencedor a ganhar um telescópio; e preparação para as olimpíadas cientifica com professores voluntários, que podem levar as meninas até as melhores faculdades do Brasil”, conta a estudante Mariana Augusta Freire dos Santos, uma das integrantes do grupo.

Localizar os astros não é uma tarefa fácil, eles passam rapidamente pela tela, é preciso estar atento e desenvolver cálculos precisos para identificação. Por isso, o grupo prega foco e determinação para trabalhos desse tipo.

“A gente analisava as imagens, marcava os asteroides e quando atualizava a página e eles enviavam o retorno, a gente percebeu que nossa equipe conseguiu dois asteroides ainda não detectados por outros científicos”, contou Joice.

Certificado da Nasa, conquistado por estudante de Claraval. — Foto: Arquivo Pessoal

Com as descoberta, as meninas da equipe receberam um certificado internacional, reconhecido pela Nasa. A mãe da estudante Joice, Mara Leão, conta que a filha não desistiu dos sonhos e buscou sempre seguir, mesmo com as dificuldades encontradas.

“A Joice, se ela pensasse em condição financeira, ela não chegaria onde ela está. Então foi uma procura dela, o querer dela prevaleceu: ‘eu vou tentar, eu vou conseguir’”, enfatizou a mãe da garota.

 

“Os alunos veem que é possível. Se você dedica, acredita naquilo que você quer, se você estuda, se você batalha, todo mundo pode realizar seus sonhos. Então pros alunos, ver ela aqui com uma reportagem, motivam para querer mais, estar estudando e se entregar aos estudos mesmo”, concluiu o diretor da Escola Estadual Iarbas Rodrigues, William Donizete de Freitas.

Clique aqui e veja o vídeo https://g1.globo.com/mg/sul-de-minas/noticia/2021/11/23/estudante-de-claraval-recebe-reconhecimento-da-nasa-depois-de-descobrir-dois-asteroides.ghtml

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *