Governo de SP suspende aulas: como ficam as escolas de Franca e Ribeirão Preto

O estabelecimento de uma fase emergencial no combate à pandemia da Covid-19 traz impactos para a educação em Ribeirão Preto (SP) e Franca (SP). Além de suspender a abertura das escolas da rede estadual, o governo paulista recomendou que as demais sigam a mesma orientação.

Veja como fica a situação das redes estadual, municipal e particular nessas cidades:

Escolas estaduais

As escolas estaduais estarão fechadas a partir da próxima segunda-feira (15). Com isso, as unidades ficarão abertas apenas para merenda dos alunos e retirada de chips.

Municipais

Em Ribeirão Preto, as escolas da rede municipal já não têm realizado aulas presenciais desde o início do ano letivo, em 8 de março. As atividades seguem em sistema remoto.

Em Franca as aulas da rede municipal também recomeçaram somente em sistema remoto em 2021 e não haverá nenhuma alteração nos próximos dias, segundo a Prefeitura.

Particulares

O Sindicato das Escolas Particulares, que responde por Ribeirão Preto e Franca, informou que ainda avalia o que fará em relação às recomendações feitas pelo estado. As aulas presenciais seguem nas unidades ao menos nesta quinta-feira (11) e sexta-feira (12).

Fase emergencial

A fase emergencial, mais restritiva do que a vermelha, será adotada entre 15 e 30 de março em todo o estado de São Paulo, com proibições no uso de parques, na modalidade take-away no comércio e restaurantes, além da suspensão da abertura de lojas de materiais de construção e na realização de cultos em templos religiosos.

Na educação, a nova etapa prevê suspensão das aulas presenciais na rede estadual e uma recomendação para que as demais façam o mesmo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *