Governo garante R$ 1 milhão em alimentos para famílias em situação de vulnerabilidade

O Governador João Doria anunciou nesta quarta-feira (5) a parceria com a Associação Paulista de Supermercados (APAS) na distribuição de 50 mil cartões para a compra de alimentos em supermercados de todo o Estado, somando 1 milhão de reais em recursos para garantir a segurança alimentar da população mais vulnerável no enfrentamento à pandemia da Covid-19.

“Iniciamos hoje uma ação inédita que vai distribuir 50 mil cartões com crédito de R$100 cada para pessoas vulneráveis. Serão 50 mil famílias que receberão este cartão, patrocinado pela APAS, a quem agradecemos. Pessoas com vulnerabilidade poderão comprar os seus alimentos nos mercados mais próximos de suas casas. Ontem distribuímos 3 mil cartões na zona norte da capital de São Paulo para comunidades vulneráveis desta região. A distribuição destes cartões será realizada pelo Fundo Social do Estado de São Paulo”, afirmou Doria.

Os cartões, no valor de R$ 100 cada, serão destinados à compra exclusiva de alimentos e itens de primeira necessidade em comércios do varejo, sendo vedada a aquisição de bebidas alcóolicas e produtos derivados do tabaco. Os critérios para a seleção das famílias avaliam o grau de vulnerabilidade da população, de forma a complementar as ações públicas em andamento.

“A ação conjunta dos supermercadistas com o Governo do Estado tem contribuído na mitigação dos efeitos sociais da pandemia, especialmente para os mais fragilizados”, comenta a Secretária de Desenvolvimento Social, Célia Parnes.

A distribuição dos cartões acontecerá por meio do Fundo Social do Estado de São Paulo, com a participação dos fundos sociais municipais e de entidades sociais cadastradas. Serão distribuídos 10 mil cartões de imediato.

O cartão pode ser usado várias vezes em supermercados diferentes, até que todo o valor seja finalizado. A produção e envio dos cartões será feita pelas bandeiras Alelo, Ticket e Sodexo, conforme acordado com a Associação Brasileira das Empresas de Benefícios ao Trabalhador (ABBT). As operadoras também prestarão assistência aos usuários no esclarecimento de dúvidas sobre o saldo e extrato através de telefone impresso no verso.

A ação faz parte do plano de Segurança Alimentar do Governo do Estado para garantir a proteção social para os mais diversos públicos em vulnerabilidade social. Entre elas: a distribuição de mais de 2 milhões de cestas de alimentos para famílias em situação de extrema pobreza nas seis regiões Metropolitanas do Estado pelo Programa Alimento Solidário, assim como a ampliação do Programa Bom Prato, ofertando 60% a mais de refeições por mês, entre café da manhã, almoço e jantar, inclusive aos finais de semana e feriados, a distribuição de leite pasteurizado pelo programa Viva Leite para reforçar a nutrição de 21 mil idosos residentes de abrigos institucionais e, também, a entrega de cestas básicas pelo Fundo Social do Estado.

A realização conta com o apoio da Ação Cidadania e do Centro de Excelência contra a Fome, do Programa Mundial de Alimentos (WFP) das Nações Unidas e da Associação Brasileira da Indústria de Alimentos (ABIA). Interessados em colaborar devem acessar o site: www.doacaosuperessencial.com.br ou ligar no (11) 3838-4525.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *