Região de Ribeirão Preto tem a maior ocupação de UTIs no Estado

A região de Ribeirão Preto tem a maior ocupação nas Unidades de Terapia Intensiva (UTI´s) do Estado de São Paulo. Segundo atualização do Plano São Paulo desta quinta-feira, 12 de agosto, a ocupação nos leitos destinados ao tratamento da covid-19 é de 70,2%.

Em segundo lugar aparece a região de Rio Preto, bem abaixo de Ribeirão, com 58,1%. Barretos, Bauru, Marília, Franca e Araraquara são as outras regiões com ocupação acima dos 50% (veja o ranking logo abaixo).

Entre essas regiões, se destacam positivamente no quesito UTI´s, Taubaté, Baixada Santista e Registro, todas com ocupações abaixo dos 40%.

Para regionalizar os indicadores do Plano São Paulo, o Centro de Contingência da Covid-19 dividiu o Estado em 17 regiões, utilizando com base as direções regionais de saúde (DRSs).

Veja a ocupação de UTIs em todas as regiões do Estado:

Ribeirão Preto: 70,2%
Rio Preto: 58,1%
Barretos: 58%
Bauru: 54,3%
Marília: 51,2%
Franca: 50,9%
Araraquara: 50,5%
Campinas: 49,7%
Piracicaba: 45,5%
Presidente Prudente: 45,3%
S.J. da Boa Vista: 45,2%
Araçatuba: 44,7%
Grande São Paulo: 42,7%
Sorocaba: 41,8%
Taubaté: 36,5%
Baixada Santista: 28,1%
Registro: 23,4%

Abaixo você confere os dados da região de Ribeirão no Plano São Paulo, em atualização realizada na tarde desta quinta-feira:

– *Casos a cada 100 mil habitantes: 349,3
– *Internações a cada 100 mil habitantes: 35,6
– *Mortes a cada 100 mil habitantes: 7,4
– Ocupação de UTIs: 70,2%
– Leitos a cada 100 mil habitantes: 22,0

*nos últimos 14 dias

(Cidades que compõem a região de Ribeirão Preto no Plano SP: Altinópolis, Barrinha, Batatais, Brodowski, Cajuru, Cássia dos Coqueiros, Cravinhos, Dumont, Guariba, Guatapará, Jaboticabal, Jardinópolis, Luís Antônio, Monte Alto, Pitangueiras, Pontal, Pradópolis, Ribeirão Preto, Santa Cruz da Esperança, Santa Rita do Passa Quatro, Santa Rosa de Viterbo, Santo Antônio da Alegria, São Simão, Serra Azul, Serrana e Sertãozinho)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *