Situação é grave nos lagos de Peixotos e Furnas

É demasiadamente crítica a situação dos lagos de Furnas e Peixoto, ambos responsáveis pela geração de energia nas usinas hidrelétricas de Furnas e Mascarenhas de Moraes. O tombamento dos citados lagos de pouco ou nada adiantou para a preservação deles, que seguem alimentando as mencionadas usinas sem respeito às cotas mínimas de água e sem qualquer esforço para redução da vazão dessas represas.

Há flagrante comprometimento de todo o patrimônio ambiental que esses lagos representam, e a recuperação tanto do meio ambiente como do potencial que eles tinham hoje é dada quase como impossível. A população da região, os empresários de turismo e os que exploram a pesca não conseguem enxergar mudanças nessa situação se os governos federal e estadual não se unirem na produção de um socorro emergencial. Triste.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *