SP tem 42% dos inquéritos de suicídio de adolescentes no estado

A cidade de São Paulo teve 42% dos inquéritos penais para apurar casos de indução ou instigação ao suicídio de jovens entre 12 e 18 anos em todo o estado desde 2008. O levantamento é do MP-SP (Ministério Público de São Paulo), em razão da campanha Setembro Amarelo.

Segundo os dados do MP, foram 965 inquéritos no estado de São Paulo no período de pouco mais de 13 anos. Desses, 406 ocorreram na capital paulista. Em seguida estão os municípios de Guarulhos (59), Sorocaba (27) e Campinas (18).

São Paulo é a cidade com mais casos no estado, com 406

O secretário especial de Políticas Criminais do MP-SP, Arthur Pinto de Lemos Júnior, aponta que é essencial reprimir esse tipo de delito – induzir, instigar ou prestar auxílio ao suicídio, como previsto no artigo 122 do Código Penal.

A pena chega até seis anos, e pode ser duplicada a depender da idade da vítima e de motivo torpe

“Dessa forma, os promotores de Justiça dão a sua cota de contribuição na defesa do mais precioso dentre todos os bens jurídicos: a vida”, disse Lemos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *